Seguidores

segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

DARK AVENGER - ALIVE IN THE DARK



                   E eis que uma das melhores bandas brasileiras lança seu registro ao vivo. E que registro! Numa bela embalagem, com uma capa espetacular, ALIVE IN THE DARK, cd duplo ao vivo do DARK AVENGER, chega ao mercado via Shinigami Records ( que colocou no mercado os dois melhores discos ao vivo desde ano - a saber, MASTERPLAN - KEEP YOUR DREAM aLIVE e este do DARK AVENGER). Com mais de 20 anos de carreira, o grupo liderado pelo excepcional vocalista Mario Linhares, tem em seu currículo três álbuns - Dark Avenger (95), Tales of Avalon - The Terror (2001) e Tales of Avalon - The Lament (2013) - e um EP - X Dark Years (2003). E agora, com esse grande trabalho ao vivo, consagra uma carreira que, em minha opinião, deveria ter um maior reconhecimento. Não que o grupo não o possua, mas quando vemos algumas bandas com qualidade muito abaixo da média, com status acima do Dark Avenger, percebemos que algo está errado...

                  O álbum foi gravado em dezembro de 2003, em São Paulo, na Led Slay e houve o cuidado de captar a banda de forma fiel. Não se percebe aquelas famosas "mexidinhas" no estúdio. A produção, que ficou sobre a responsabilidade de Richard Navarro e do próprio Mario Linhares, soube transportar para o cd toda a energia e qualidade da banda de forma cristalina. Na época da gravação do trabalho, a banda era formada por Mário Linhares (vocal), Hugo Santiago (guitarra), Marcus Valls (guitarra), Gustavo Magalhães (baixo), Rafael Dantas (bateria) e Tomas Vital (teclado e piano) e estava muito entrosada. Aliás, nota-se também, uma perfeita interação entre banda e público.

                   
                  Difícil apontar destaques em um trabalho tão homogêneo, onde todas as faixas, além de excelentes, foram executadas com maestria, com o popular "sangue no zóio". Mas não há como não falar da performance de Mário Linhares. Sem nenhuma dúvida, um dos maiores vocalistas da história do Metal Nacional, ele transforma passagens complicadas em fáceis, tamanho o talento e versatilidade de sua voz. As guitarras de Hugo e Marcus também se destacam, trabalhando em perfeita sintonia, enquanto  o baixo de Gustavo e a abateria de Rafael, carregam no peso que o metal tradicional pede e precisa. Tomas capricha nos teclados também, harmonizando de forma correta as melodias certeiras do grupo. Mas algumas faixas acabam se sobressaindo. No primeiro cd, Dark Avenger 2003, Crown of Thorns, Die Mermaid, Tales of Avalon, Armageddon são músicas seminais na história do heavy metal brasileiro. Já no segundo cd, as versões sinfônicas e acústicas de As The Rain e The Lament (respectivamente) se destacam. Ainda no cd 2, temos o EP X Dark Years.


               Sem nenhuma sombra de dúvida, um dos melhores trabalhos ao vivo já lançados por uma banda de heavy metal brasileira. Talento, energia e garra, saltam aos ouvidos a cada música e a cada nova audição. Uma das melhores bandas brasileiras de todos os tempos merecia um trabalho desse nível! Parabéns  a Shinigami Records por disponibilizar este marco do Metal Nacional!




          Sergiomar Menezes
                   


Um comentário:

  1. A MELHOR BANDA, O MELHOR DISCO, E EM 2016 UM CD DUPLO STUDIO nos aguarda...

    ResponderExcluir