Seguidores

domingo, 24 de julho de 2016

BESTIAL - HELLFUCKDOMINIUM XXI




              E uma das bandas mais "bestiais" do metal gaúcho está de volta! Mais de dez anos após o petardo Phalanx of Genocide (2005), o quarteto BESTIAL volta á carga com toda a fúria e brutalidade do seu death/black metal insanamente profano. HELLFUCKDOMINIUM XXI contém cinco faixas (contando com uma introdução) onde o grupo prova que este tempo longe dos estúdios, não foi o suficiente para parar a máquina destruidora e brutal de riffs e blasfêmias. Se nos dois primeiros trabalhos, o já citado Phalanx of Genocide e o álbum de estréia Final Presage (2004), a banda já apresentava músicas cheias de ódio e agressividade, o que encontramos neste avassalador EP não é diferente. Guitarras ríspidas, baixo/bateria velozes e brutais e um vocal extremamente insano, recolocam o grupo no cenário.

              Chuckill (vocal e baixo), Ed Storm (guitarra), V. Alex (guitarra) e Jeferson Pereira (bateria), despejam todo o ódio contido em suas mentes em composições cheias de riffs que se encontram entre o que de melhor há no death/black metal. Gravado em agosto de 2015 e produzido por Fábio Lentino, que deixou a sonoridade do grupo no ponto certo. Após a saída do baterista Márcio Jameson e algumas trocas na posição, o grupo se estabilizou com a presença de Jeferson Pereira (Sky in Flames) e segue firme em sua batalha, empunhando a bandeira do estilo profano que resolveu seguir.

              Bestial Introduction é, como o próprio nome diz, uma introdução que nos deixa preparados para Atomic Blazing Ejaculation, uma porrada ao estilo da banda. Um death/black metal pútrido e cheio de guitarras agressivas. A faixa apresenta bons solos, enquanto a cozinha manda ver num misto de velocidade e brutalidade que são marca registrada da banda. O vocal de Chuckill se destaca e também podemos dizer que é uma das características do grupo, pois foge um pouco do que as bandas doe stilo se propõem a fazer. Lascivious Possession tem guitarras extremas, pois os riffs possuem uma intensidade brutal. As linhas  aqui assumem uma postura mais voltada ao black metal. Por sua vez, o vocal destila doses de fúria que acaba por se misturas a um solo ríspido e direto.  Riffs fortes e densos comandam o ritmo de Rising Vengeance Flag. A velocidade e peso que a dupla Chuckill e Jeferson imprimem á faixa são impressionantes. Ed Storm e V. Alex tem um entrosamento que apenas anos de blasfêmia e cumplicidade podem oferecer. Variada, a música tem passagens mais cadenciadas e alterna momentos mais velozes. Um dos destaques deste trabalho! Infelizmente, o EP se encerra com Warm And Swollen Raw Leather. Infelizmente pois fica aquela sensação de poderíamos ter u trabalho com mais faixas, tamanha a qualidade do que é apresentado aqui (e que já tinha sido demonstrado nos dois primeiros trabalhos do grupo).

             O tempo longe do estúdio não afetou o poder que a banda tem a oferecer aos metalheads ao redor do mundo. Letras profanas, riffs mortais e brutalidade/agressividade que saltam dos alto-falantes comprovam que o grupo tem muito o que oferecer aos bangers. Hail to the BESTIAL!

           


              Sergiomar Menezes

Um comentário:

  1. O atual EP “Hellfuckdominium XXI” lançado no final de 2015 pela Mutilation Records está disponível na loja da Profanorum Prods.

    Formato Digipack
    http://profanorumprods.com.br/loja-profanorum-underground-belem-cd-demo/bestial-hellfuckdominium-xxi/

    ResponderExcluir